Roda da Vida ISOR®: Como esta ferramenta pode mudar a sua vida

Já está ficando até lugar comum dizer que o que move as pessoas e o mundo é a busca da felicidade. E é mesmo uma grande verdade. Todos nós almejamos ser felizes. Queremos nossa Roda da Vida simétrica, redonda, atingir níveis satisfatórios de realização em todos os âmbitos. A grande pergunta que fica é: como ser felizes? Quais a formas de buscar a felicidade? O que pode nos ajudar nessa jornada? De que forma fazer brotar em nós a alegria de viver?

Nós do Instituto Holos apresentamos um referencial excelente, que pode nos servir de guia nessa jornada, ao mesmo tempo que pode fazer-nos conhecer a nós mesmos e a nossas instituições. É a Roda da Vida ISOR®, uma formidável ferramenta que pode mudar nossa vida, pode nos ajudar a transformar nossa maneira de olhar para nós mesmos e para o mundo, apontando para novas possibilidades, ampliando nossa visão.

A Roda da Vida ISOR® no referencial holossistêmico

Podemos observar a Roda da Vida em 14 raios a partir do referencial da TOH. A TOH – a Teoria da Organização Humana, formulada por um brasileiro, o sociólogo e antropólogo paulista Antônio Rubbo Müller (1911-1987) – é um quadro de referência global, holográfico. Não se vincula a nenhuma ideologia política ou religiosa. Tenta trazer ao conhecimento a realidade como um todo. Treina nossa visão a ver a realidade com objetividade, dando atenção a tudo o que existe e não só ao que queremos ou nos interessa ver.

A TOH é um referencial sistêmico, que possibilita descrever a realidade humana em 14 subsistemas, que nos permitem um olhar mais detalhado sobre as diferentes expressões do Sistema Humano, sendo que todos estão sempre interligados e interagindo na Roda da Vida. Quando focamos nosso olhar sobre um deles, não é possível separá-lo dos outros componentes do sistema. É como em nosso corpo, onde tudo está ligado a tudo. Não se pode examinar o coração sem levar em conta todos os outros órgãos (subsistemas) do organismo (sistema), tais como o subsistema neural, o subsistema respiratório, o circulatório, o digestivo, o reprodutivo, o muscular, etc.

O significado da sua organização

Pela TOH fica mais claro e explícito que tudo tem relação com tudo. Ela permite a análise e reorganização das pessoas, grupos e sociedade; detalha o todo nos 14 subsistemas, que são:

S01. Parentesco: a família;
S02. Sanitário: saúde e higiene;
S03. Manutenção: alimentação e sustento;
S04. Lealdade: amor e relacionamentos;
S05. Lazer: alegria e recreação;
S06. Viário: comunicação e transportes;
S07. Pedagógico: educação e cultura;
S08. Patrimonial: propriedade, renda e salário;
S09. Produção: extrativa, agropecuária, industrial e artística;
S010. Religioso: religião e espiritualidade;
S011. Segurança: defesa e paz;
S012. Político-administrativo: governo e liderança;
S013. Judiciário: normatização e ordenação jurídica;
S014. Precedência: prestígio e mecanismos de estimulação social.

Nossa vida pode ser olhada sob estes 14 ângulos, que nos indicam diferentes aspectos, todos interligados, também de nossa organização pessoal. Quando cada raio da Roda da Vida está bem ajustado, alinhado ao todo, a vida está indo bem. Mas, quando um desses raios se desalinha, nos causa dor e sofrimento e, portanto, nos sentimos infelizes.

Como aplicar a Roda da Vida ISOR®

Por exemplo, numa empresa, se eu foco olhar no subsistema de produção, a Roda da Vida vai contribuir para ampliar o olhar para o subsistema patrimonial, o subsistema de manutenção, de comunicação, os aspectos jurídicos, a imagem da empresa, a formação de seu pessoal, questões de saúde e higiene, etc.

No trabalho de coaching, seja individual, seja de equipe, um referencial sistêmico com um quadro de subsistemas muito bem ordenados e explicitados, como é o caso da Roda da Vida, facilita muito ao coach ou mentor fazer um rastreamento muito completo da realidade vivencial do coachee. E os problemas e dificuldades que emergem são facilmente detectados e de como afetam cada subsistema dentro do todo. Vejamos um exemplo de levantamento de dados sobre a vida pessoal de nosso coachee: perguntas sobre família, solteiro ou casado, como eram os pais, quantos ir-mãos, se tem filhos, relacionamento com o cônjuge e muitas outras.

Questões sobre a saúde, preocupações e cuidados, prevenção; como se sustenta; relacionamentos de amizade ou vínculos com associações; quais os esportes ou hobbies, viagens, estudos, patrimônio familiar, trabalho, religião ou espiritualidade, segurança, documentação, como se organiza, qual a autoimagem. A Roda da Vida oferece ao longo desses subsistemas os pontos álgidos que necessitam de maior atenção. Isso facilita muito ao coach ou mentor orientar o coachee, ou a equipe, em onde focar o planejamento de superação e como organizar os subsistemas segundo as prioridades que se apresentarem na Roda da Vida.

Seus efeitos como ferramenta

A Roda da Vida é uma técnica poderosa de coaching e mentoring, que apresenta uma realidade com visão holística e sistêmica, que amplia as possibilidades de analisar as situações e problemas, avalia as possibilidades, define prioridades e traça planos para buscar um novo ponto de equilíbrio entre os diferentes aspectos que se apre-sentam na vida.

Ampliando e ordenando nossa consciência de nós mesmos e do mundo em que nos situamos e interagimos, temos maiores meios de administrar nossas vidas ou nossas equipes de trabalho. E isto é o mais valioso instrumento para nós mesmos traçarmos nosso roteiro de autorrealização, condição maior de sermos felizes segundo nossa própria maneira de entendermos a vida e realizarmos nossos projetos.

A Roda da Vida ISOR® é, sem dúvida, uma boa e segura ferramenta para mudarmos de vida, rumo a uma forma mais sustentável de vida feliz.

Para ir além do artigo, leia também o livro A Roda da Vida e a Felicidade, editado pelo Holos, disponível para compra aqui.