Feedforward: orientando seus liderados de olho no futuro

Nossos gestores estão acostumados a dar feedback, isto é, fazer avaliação de desempenho de seus liderados. Você quer ser gerente de tarefas ou líder de pessoas? Então você precisa orientar seus liderados de olho no futuro através do feedforward.

O feedback é um instrumento muito bom para avaliar o andamento dos processos. Mas seu olhar é do passado para o presente.

Por outro lado, o feedforward olha para a frente, olha para o futuro, não se prende ao passado. É o seu gestor dizendo o que espera de você e foca no seu desempenho futuro.

Se você deseja ter um ambiente de trabalho mais agradável, além do feedback, passe a trabalhar com o feedforward.

Com o feedforward você proporciona que seu liderado seja mais receptivo ao conteúdo, mais aberto à mudança.

Além disso, mais voltado para as realizações do futuro do que para as falhas do passado.

O que é feedforward?

É uma ferramenta de administração que olha para o futuro e que alinha os indivíduos e as equipes com a missão e a visão da organização.

Estabelece metas e indica um caminho futuro.

Ao contrário do feedback, que se baseia no passado para fazer uma avaliação, o feedforward olha para frente e diz qual caminho a seguir.

Você não pode mudar o passado, mas pode criar o futuro!

feedforward

Olhar para trás deve servir como aprendizagem (feedback) e saber aonde ir e como chegar lá é olhar para a frente (feedforward).

Portanto, é importante nós entendermos que as decisões estão apoiadas nas experiências passadas, mas se voltam sempre numa visão para o futuro.

Feedback: qual é a diferença?

O feedforward complementa o feedback. Ambos são ferramentas no processo de desenvolvimento de profissionais e de equipes. Não se trata de substituir um pelo outro, mas são complementares para a gestão de pessoas.

O feedback olha o que passou e reorienta a ação e o feedforward direciona e aponta o caminho para o futuro.

O feedback oferece ao profissional uma avaliação de seu trabalho e mostra o que ele deve redirecionar para possa ser útil ao desenvolvimento de uma organização.

O feedforward mostra ao profissional como ele pode levar adiante esta avaliação e o que ele pode fazer para transformar suas ações em melhorias efetivas para a organização. É um olhar para a frente.

O feedback é mais analítico, racional, comparativo, apoiado em referenciais. Avalia como as atividades vinham acontecendo, seus acertos e erros. Por isso ele é um grande aprendizado.

O feedforward é mais intuitivo, aberto ao probabilístico, às possibilidades de virem a acontecer, exigindo a coragem de correr riscos, de abrir-se para o futuro.

Por isso, é de fundamental importância porque contribui no seu processo de desenvolvimento, crescimento e de carreira dos colaboradores.

Tanto no feedback como no feedforward o gestor precisa ter cuidado com sua comunicação, com o “jeito” de falar e fazer as suas considerações, sempre lembrando que o colaborador é um ser humano com suas ansiedades, expectativas e sonhos.

Lembremos que a maior força d e uma organização são as pessoas. É seu Capital Intelectual.

Exemplo de como fazer Feedforward

Podemos exercitar o feedforward com nossa equipe de trabalho, com nossos amigos, com nossa família ou até com nosso grupo de lazer.

Então, a primeira coisa é estabelecer um vínculo de confiança. Para isso crie um clima de acolhimento. Tenha uma conversa mostrando aos colaboradores que é possível mudar e coloque-se como suporte para essas mudanças.

feedforward

Coloque seus colaboradores sentados em círculo e siga os seguintes passos:

  1. Escolha uma mudança de comportamento que faça uma diferença positiva na sua vida.
  2. Descreva este comportamento para os colegas.
  3. Peça duas sugestões para esta mudança de comportamento.
  4. Ouça as sugestões e tome notas sem fazer comentários.
  5. Agradeça pelas sugestões.

Assim, você cria sinergia com sua equipe, mostrando que se pode falar abertamente, um ajudando o outro a construir um futuro promissor.

Esse é o momento de acreditar que podemos. Que temos potenciais que podemos colocar a serviço. Dessa forma, seu colaborador vai se sentir reconhecido e valorizado.

Por isso, dar e receber feedforward é uma atividade que todos gostam de fazer. É estimulante, útil e faz bem para a pessoa que recebe.

Conclusão

O feedforward foca na solução e nos pontos positivos da pessoa. Isso cria sinergia e desejo de colaborar. Em vez de dizer para as pessoas onde elas erraram, diz onde elas podem melhorar. Só esta mudança de visão já justifica sua aplicação nas organizações.

Sua receptividade é muito positiva, pois o feedforward estimula a pessoa a enfrentar novos desafios, ao invés de olhar para suas falhas.

Como o feedforward tem a visão de futuro, orienta seus liderados a trabalhar e desenvolver suas competências tendo um olhar para o futuro, uma direção a seguir.

Além disso, estimula o potencial criativo de seus colaboradores, fazendo com que eles vistam a camisa da organização, encarem a mudança como um processo normal e sintam orgulho de trabalhar para esta equipe ou esta empresa.

Através da aplicação de feedforward a liderança da organização direciona seus esforços no sentido de fazer acontecer e de fortalecer seus liderados como pessoas e como profissionais.

O feedforward pode ser visto como um complemento direto do feedback, pois além de oferecer uma avaliação das atividades dos colaboradores, apresenta também uma forma de promover desenvolvimento.

O feedforward é um caminho, é otimizar os potenciais de seus funcionários.

Se você busca a excelência em sua organização, oriente seus liderados de olho no futuro.

Comece a utilizar o feedforward – este é o foco do feedforward!