Como a Tecnologia pode Impactar as Relações Interpessoais

Afinal, a internet aproxima ou afasta as pessoas? Tem quem diga que ela acabou apenas afastando as pessoas e tornando as relações interpessoais mais rasas. Outros defendem com unhas e dentes que a internet cada vez mais une as pessoas, sem pensar nos pontos ruins. Também dizem que a internet aproxima quem está longe e afasta quem está perto. Numa dessas, é difícil saber quem está certo. Talvez ninguém.

Uma coisa é fato, a tecnologia proporciona ferramentas incríveis para nossas vidas e consegue fazer com que as pessoas se abram mais facilmente. Por isso, há um senso tão grande de comunidade nas redes sociais, fazendo com que as pessoas se aproximem pelos mais diversos assuntos: música, esportes, senso de humor, trabalho etc.

O problema é quando essa interação fica restrita apenas ao ambiente online. Acredito que isso é meio paradoxal, porque os assuntos que nos unem vêm das nossas experiências de vida, sem divisão entre o “real” e o “virtual”. Apesar de estarmos transitando entre ambientes diferentes, continuamos sendo a mesma pessoa e tal divisão acaba sendo estranha.

Mas convenhamos, até podemos passar horas e horas conectados, mas no final das contas tudo o que sentimos acontece dentro do nosso corpo. Podemos adquirir muitos estímulos na internet, mas o potencial é muito maior quando estamos usando todos os nossos sentidos. Ou seja, quando estamos em contato com o mundo lá fora.

O que estou tentando dizer é que, se você usa a tecnologia como uma extensão da sua vida, ela tem um potencial muito mais positivo individualmente e socialmente. E quando abusamos dela no nosso dia a dia, acabamos nos restringindo um pouco mais e o impacto disso pode não ser tão bom assim.

O que eu quero dizer com isso? Bom, idealmente, nós não deveríamos sentir uma diferença tão grande no nosso comportamento quando estamos no mundo real ou no virtual. É completamente normal que você se sinta mais confortável em um deles, dependendo do que quer fazer, mas não é saudável que haja um desequilíbrio tão significante.

Vamos tomar como um exemplo os apps de relacionamento. Eles são muito bons para sairmos das nossas bolhas sociais e conhecer pessoas que não encontraríamos nos lugares onde costumamos ir. Para os introvertidos então, eles quebram uma primeira barreira importante, que é se aproximar de alguém e saber se aquela pessoa também gosta de você ou não.

Mas uma vez que vocês já conversaram um pouco online, o próximo passo é marcar um encontro real. E nessa hora, as tecnologias não vão poder te auxiliar muito. Você tem que saber interagir com a outra pessoa no mundo real para que esse encontro possa virar algo a mais depois.

O mesmo se aplica a várias áreas da vida, desde que você tenha claro na cabeça quais são os seus objetivos e aja em prol deles. O Linkedin, por exemplo, é ótimo para aumentar sua rede profissional e conseguir novas oportunidades. Mas sozinho ele não vai fazer milagre. Agora, se você estiver mandando bem no seu trabalho e outras pessoas, com quem você interage no dia a dia, te recomendarem por lá, tudo será mais fácil.

E como já dissemos, o potencial impacto que a tecnologia pode ter em nossas vidas é gigantesco. Já demos os exemplos de trabalho e relacionamento, mas podemos encontrar pessoas para ir no show da banda que gostamos, praticar algum esporte, praticar uma língua estrangeira e por aí vai. Todas essas experiências são enriquecedoras para nós como indivíduo e também como seres sociais.

Enfim, se a internet nos ajuda a encontrar pontos em comum com outras pessoas, cabe a nós decidir o que vamos fazer com isso. Para isso, temos que ter em mente quais são os nossos objetivos pessoais com as interações que fazemos através da tecnologia.

Isso implica que nem tudo precisa sair daquele ambiente, às vezes você só queria passar um pouco de tempo e está tudo bem assim. Mas uma vez que começamos a dar mais significado para essas interações, é interessante fazermos a transição para o mundo real.

Então a dica que fica aqui é: saiba o porquê e com qual finalidade você utiliza as tecnologias. Fazendo isso, será muito mais fácil você se aproximar e se comunicar com pessoas que tem objetivos parecidos. Consequentemente, será muito mais fácil vocês trazerem esse contato para a vida real e cumprirem juntos os objetivos que têm em comum.

Este artigo foi elaborado pela equipe do Blog do Poppin, onde você pode ler mais sobre relacionamento e estilo de vida universitária.